quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Mamãe, Cadê Você???

Não é de hoje que é possível afirmar que a Disney não gosta de mães. Com exceção de alguns filmes, geralmente a estória começa com a morte ou o sumiço da mãe. Comparando com as produções de Hanna-Barbera, também com algumas exceções (Flintstones, Jetsons, Muzzarelas, entre outras) pode-se afirmar a mesma coisa, em menor grau. Desenhos HB que não tem mães, nem ao menos as mencionam. Para as séries nas quais os personagens principais são crianças ou adolescentes, como Scooby-Doo, Clue Club e Tutubarão, pergunta-se: Onde estavam as mães desses personagens? Versões atuais não contam, como o caso da última encarnação de Scooby-Doo, Mistério S/A, na qual as mães, e também os pais aparecem, com exceção da mãe do Fred. E há uma lista muito grande de personagens sem mães em outras séries: A trupe de Amazing Chan; a banda de Butch Cassidy; Bob Conroy de Frankenstein Jr.; Duda e Bob de Moby Dick; Chuck e Nancy de Shazzam; a turma de Josie e as Gatinhas; Ted, Tina e Gilly de Goober; Brasinhas do Espaço; Juca, Caco e Cris de Fantasminha Legal; Panterinhas; Jonny Quest e até o personagem Ren de Piratas das Águas Sombrias. Isso sem esquecer dos personagens antropomórficos (que se comportam como humanos), como Bob Filho e os Smurfs. Acho que foi por isso que o meu amigo Kerry pediu para fazer um tributo aos pais. Há mais pais do que mães.

Este tributo aos pais foi feito há algum tempo. Eu não queria postá-lo, por motivos pessoais.

No mundo real, as mães certamente estariam por perto, ou saberiam o que seus filhos estavam fazendo. Muitos dirão que as mães poderiam atrapalhar, sempre dando aqueles conselhos de mães, "cuidado com isso, cuidado com aquilo", etc. Qual mãe não ficaria enlouquecida ao saber que seus filhos aventuram-se enfrentando fantasmas, monstros e demônios? Fugindo da regra "Crianças Sem Mães", os pais de Fred Jones aparecem no filme "Piratas à Bordo" ou "Piratas à Vista" (2006) como Skip e Peggy Jones.


Minha teoria é de que Skip e Peggy não eram os pais de verdade, e sim, um casal que Fred gostava de tratar como pais, ou algo assim, pois, na Mistério S/A, o pai de Fred é outro personagem, o prefeito.

O pai do Fred, o prefeito da cidade.

Os pais da Daphne, dois ricaços metidos.

Os pais do Salsicha.

Os pais da Velma tem uma Cafeteria.

Às vezes eles pedem ajuda aos pais.

A mãe do Fred não aparece fisicamente. Ela está desaparecida e é vista apenas em fotos, num episódio muito complicado, no qual o prefeito é o vilão, revelando que não é o verdadeiro pai de Fred, e que aquele seria um "tal" de Brad Chiles, que está numa foto num pingente da Daphne. Também revela que culpou a ave Péricles pelo desaparecimento da Mistério S/A, outra equipe. A ave era a mascote da turma e os traiu. Entendeu? Nem eu...

A mãe (?!) do Fred.

A Mistério S/A desaparecida... (Qualquer semelhança é mera coincidência)

que foi traída pelo Péricles...

que se tornou um super vilão!


Existe a possibilidade de que os integrantes dessa versão sejam outros personagens. Apenas o enredo e as roupas são os mesmos. A aparência, humm, deixa pra lá. Olhos compostos somente de cílios e pupilas. A voz dublada do Scooby-Doo é nada atraente. Há um episódio no qual a Velma questiona a DJ se esta não seria parte da Mistério S/A original que desapareceu... (?!) A produção poderia dizer que o desenvolvimento de temas é livre e que eles fazem o que bem entenderem. Pouco nos revelam do que sabem, mas isso é assunto para outra postagem.

Um comentário:

Devair disse...

Boa Sérgio! Parabéns!

Longa vida ao site

abço